O Brasil está entre os países que mais utilizam produtos cosméticos no mundo, juntamente com outros como Japão, Estados Unidos e China. Segundo a Associação da Indústria Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec), em 2018, os brasileiros poderão chegar a ocupar a terceira posição do ranking de mais vaidosos do mundo, podendo gerar um faturamento de R$ 50 bilhões para o país.

O mercado da beleza vem apresentando um crescimento constante em serviços, empregando cerca de 5 milhões de profissionais todo ano no setor. O fator se deve a grande procura por salões de beleza para os cuidados com a pele e cabelos e também clínicas de estética. A busca pelo bem estar e bela aparência faz com que o mercado de trabalho para as esteticistas alavanque diante de crises, pois tanto mulheres como homens estão dispostos a pagar para se sentirem bem consigo mesmos.

beleza

Cada vez mais homens frequentam os salões de beleza para cuidar da pele, fazer a barba, cabelo e sobrancelha. Segundo uma pesquisa realizada pela Euromonitor, em 2016 o Brasil ocupou a segunda colocação no consumo mundial de produtos destinados para o público masculino, obtendo uma movimentação de R$19,6 bilhões, e sendo um segmento que só tem a crescer.

A UninCor oferece o Curso de Estética e Cosmética, onde o aluno adquire uma formação crítica e reflexiva, pautado pelos princípios de respeito à diversidade cultural, étnico-racial e de gênero, preparado para trabalhar de forma multidisciplinar junto a outros profissionais da saúde ou mesmo para abrir o próprio negócio.

Os estudantes têm contato não apenas com as técnicas para os cuidados com a beleza mas, também, do bem estar, a auto-estima e a qualidade de vida de seus clientes. Além disso, através do apoio de empresas parceiras, os alunos têm a oportunidade de trabalhar com equipamentos de ponta e ter acesso à novidades do mercado estando em contato com a população por meio dos atendimentos na Renove – Clínica de Estética (conheça melhor a Clínica Renove.